Como funciona a logística integrada?

Como funciona a logística integrada?
Dai 14 de abril de 2021 Blog

A experiência do cliente é um dos fatores mais importantes em um e-commerce. Desde a escolha do mix de produtos, as embalagens e principalmente as opções, preços e formas de entrega, tudo é pensado para que o consumidor tenha a melhor experiência de compra. E isso está diretamente ligado à logística, afinal é bem comum atrasos ou altos preços na entrega.

Para que tudo corra bem e o cliente fique satisfeito no final, é ideal que exista uma interligação entre os setores. Chamamos isso de logística integrada, ou seja, um processo que acompanha todas as etapas da logística, desde a separação do produto, embalagem até a entrega.

Como funciona?

A logística integrada é um processo de gestão que compreende todo o processo logístico. Com ele, a comunicação interna se torna mais assertiva, refletindo também na produtividade do negócio. A melhor forma de usar esta ferramenta é através de um sistema de gestão ERP, pois irá unificar os setores da empresa tornando a logística de fato integrada.

Com o sistema de ERP, as informações de cadastro, venda, estoque, emissão de notas fiscais e boletos até a entrega ao consumidor ficam automatizadas e integradas. 

O processo de logística integrada também melhora a economia da empresa, afinal as vendas estarão integradas com os produtos em estoque, evitando excessos ou faltas de mercadorias.

Logística integrada na prática

Se você ainda está com dúvidas de como funciona este processo na prática, listamos 3 passos de como a logística integrada funciona na prática:

1. Fluxo de materiais

É a base do estoque, para ter o controle de produtos e evitar desperdícios. Além disso, é importante ficar atento aos prazos de vencimento ou manutenção, especialmente quando forem produtos perecíveis ou eletrônicos. 

2. Demandas

Em demandas entram o fluxo de pedidos, venda, separação, embalagem entre outras necessidades ainda dentro do estoque, como as etiquetas e notas fiscais.

3. Entrega

Na última e mais importante das etapas, está a entrega. Ela deve fornecer opções variadas ao consumidor – entregas mais caras e rápidas, mais baratas, porém mais demoradas. Assim, a decisão do prazo de entrega fica por conta do cliente.

Sempre que possível, envie o pedido antes do prazo estimado, você ganhará pontos com seu cliente. Para isso, é fundamental contar com bons parceiros de logística. 

Além de tudo isso, é imprescindível que o e-commerce tenha um planejamento de entrega e distribuição. Desta forma, é possível ter uma visão mais ampla do negócio e fazer melhorias e ajustes. 

Benefícios da logística integrada

Este modelo de processo logístico traz diversos benefícios ao lojista e ao cliente. Entre eles, podemos citar alguns como: agilidade, eficiência, integração da comunicação interna, controle do fluxo e a praticidade ao gestor. Além disso, não podemos esquecer um dos maiores benefícios que é a melhor experiência ao comprador. 

Integrar as áreas do negócio é uma estratégia inteligente para quem quer ampliar o negócio, vender em mais canais sem perder a organização interna. Do ponto de vista do cliente, ele lembrará com maior facilidade do seu negócio na próxima compra se ele tiver uma entrega rápida.

O consumidor de e-commerce dispõe de tantas ofertas diariamente que é difícil permanecer fidelizado a um negócio que extraviou pedido, entregou o produto errado ou demorou muito para entregar a compra. 

Daiane Caroline

Publicitária de formação e apaixonada por comunicação. Escreve para o blog da Signativa e toma café o tempo todo.

Post your comment