E-mail marketing: como aumentar a taxa de abertura

E-mail marketing: como aumentar a taxa de abertura

O e-mail marketing é uma ação utilizada por diversas empresas, virtuais ou não. Em um e-commerce, ele tem o papel de vender os produtos/serviços da loja, informar e até criar um relacionamento com os clientes. Se você ainda não utiliza esse meio de comunicação em seu negócio, está na hora de repensar suas estratégias de venda. Para te auxiliar nesse processo, separamos cinco dicas importantes para que você comece a executar suas campanhas com precisão.

1. Otimize o assunto do e-mail
O primeiro contato que seu lead ou cliente terá com o e-mail marketing será o assunto, que é peça-chave em sua campanha e precisa ser otimizado para trazer mais resultados. Existem várias ações que podem ser feitas para melhorar a taxa de abertura de e-mails. Uma delas é despertar a curiosidade das pessoas, escrevendo “eu não perderia por nada essa oportunidade”, por exemplo. Outra forma de chamar a atenção é utilizar reticências, que dão a sensação de continuidade.

Fazer perguntas no título do e-mail marketing, como “você também já cometeu esse erro?” costuma ser uma boa prática para aumentar a taxa de abertura. Outra dica é utilizar frases de urgência: “somente para os 20 primeiros cadastros” ou “não perca, é a última oportunidade”. Usar caracteres especiais (mapa de caracteres) também é uma ótima forma de chamar a atenção do leitor entre os diversos e-mails de sua caixa de entrada. E por fim, procure inserir a palavra “como” – esta é uma maneira de instigar o internauta, pois significa que você tem algo para explicar/ensinar.

2. Defina a frequência dos disparos
Encher a caixa de entrada do lead/cliente é um dos piores erros cometidos pelos lojistas. Com uma rotina estressante, as pessoas não têm tempo para abrir todos os e-mails, principalmente quando são muitos e todos da mesma empresa. Isso vai gerando uma imagem negativa do seu negócio, levando muitas vezes ao descadastro do leitor. Também é importante definir quantos dias por semana serão enviados os e-mails. Para isso, é preciso conhecer sua base de clientes, fazer testes e ver em quais dias existe mais engajamento. O mesmo se aplica aos horários de envio.

3. Evite expressões negativas
Palavras e expressões negativas podem ser prejudiciais para sua taxa de abertura. Existem algumas regras relacionadas ao e-mail marketing e se alguma delas é descumprida, você é penalizado. No caso das expressões negativas, geralmente o e-mail é considerado spam. Sendo assim, seu lead/cliente não recebe seus e-mails e você perde vendas. Se quiser saber mais sobre palavras e termos que devem ser evitados, clique aqui.

4. Segmente sua base
Fazer conteúdo que interesse seu público é fundamental, mas primeiro é necessário saber o que eles precisam. Na mesma base de clientes, é comum que existam vários perfis de público e, consequentemente, interesses diferentes. Muitas vezes, um conteúdo que para um é atraente, para o outro pode não ser. Se isso acontecer, o cliente ficará irritado por receber e-mails com assuntos que ele não quer. Por isso, é importante segmentar sua base e enviar conteúdos específicos para cada público.

5. Faça testes e avalie os resultados
Após aplicar todas essas técnicas para aumentar sua taxa de abertura de e-mails, é hora de fazer um teste A/B e avaliar os resultados. É importante fazer testes, dividir a base e enviar o mesmo conteúdo com assuntos diferentes, a fim de saber qual deles teve um resultado melhor. Além disso, você pode avaliar que tipo de assunto seu público está interessando, fazendo uma análise dos e-mails com maior taxa de abertura. Desta forma, é possível segmentar ainda mais sua base e entregar os conteúdos que o seu lead ou cliente se interessa.

Ainda não tem uma loja virtual? Clique aqui, conheça nossa plataforma de e–commerce e crie sua loja virtual agora mesmo.

Venha para o Signashop e tenha uma loja virtual de qualidade, com um investimento justo.

CRIE UMA LOJA E TESTE GRÁTIS POR 14 DIAS

Leave a Reply

Your email address will not be published.