Afinal, o que é e como funciona a plataforma Magento

Afinal, o que é e como funciona a plataforma Magento

Quem começa a trabalhar com varejo online, inevitavelmente se depara com o termo Magento. Isso é muito fácil de se explicar, visto que o nome se refere à uma das maiores soluções do mercado atual.

O que é o Magento?

magento

O Magento é a maior plataforma de e-commerce do mundo, desenvolvida em linguagem PHP e famosa tanto pela sua quantidade de soluções disponíveis (tornando-a uma solução robusta), quando por sua maleabilidade, já que se trata um sistema open-source (com código livre). Essa última característica é uma das responsáveis pelo grande sucesso do Magento, já que, quando uma loja virtual se depara com uma necessidade e não encontra tal função na plataforma, a solução para essa necessidade pode ser desenvolvida e aplicada.

Essas soluções são os chamados módulos: funções criadas com o intuito de melhorar recursos existentes ou implementar novas possibilidades. Tal possibilidade ampliou a aceitação do Magento pelo mundo, tornando-o maior e mais difundido.

A história do Magento

Em 2017, o Magento completou 10 anos de idade. Sua história, considerada razoavelmente curta, está ligada à Varien, uma empresa norte-americana desenvolvedora de software que, dentre seus projetos, criou o Magento Ecommerce. Depois de seu lançamento oficial, o programa fez grande sucesso e acabou por se tornar uma empresa separada, a Magento Inc. Tal acontecimento resultou em novas versões diferentes do Magento, que, a esta altura, já contava com a possibilidade de uma ferramenta gratuita, o Magento Community e também versões pagas, nomeadas de Magento Enterprise.

O crescimento do sistema se popularizou tanto que um dos seus investidores resolveu comprá-lo por completo. Foi no ano de 2011 que a gigante eBay tornou o Magento parte de uma das suas empresas, fazendo com que o nome se popularizasse ainda mais.

Magento no Brasil

Em território brasileiro, a presença do Magento se tornou sinônimo de “plataforma gratuita”, porém de modo razoavelmente distorcido, já que termo gratuito é na verdade a não obrigatoriedade do uso de uma licença paga. Entretanto, como todo profissional da área de e-commerce sabe, montar sua própria loja virtual requer uma lista de diferentes serviços que, apesar de ser possível encontrar versões gratuitas, sempre acabará tendo uma necessidade de investimento.

Principalmente por ser uma plataforma de código aberto, o Magento requer mão de obra qualificada para que a manutenção e a implementação de melhorias na plataforma sejam feitas com sucesso. É aí que entram as empresas especializadas em Magento e que oferecem a prestação de serviço para garantir que tal plataforma funcione.

Entre essas empresas está a Signativa. Com desenvolvedores certificados pela própria Magento e com profissionais especializados no assunto, a empresa criou o SignaShop: uma solução para a criação de lojas virtuais, com módulos e planos que se adequam aos diferentes perfis de clientes que desejam criar ou migrar seu e-commerce.

Além do funcionamento em Magento, o SignaShop ainda conta diferenciais como a isenção do custo em setup, hospedagem inclusa e a não cobrança de comissão. Tais características fazem da ferramenta uma das melhores opções de Magento no mercado atual.

capa-artigo-magento-lojas

SignaShop: um exemplo prático das principais vantagens em utilizar o Magento

Como no caso do SignaShop, é possível dizer que a principal vantagem de utilizar o Magento seja a possibilidade de trabalhar com a maior plataforma de e-commerce do mundo com um excelente custo-benefício.

O Magento é usado globalmente e possui uma imensa comunidade de desenvolvedores que estão buscando regularmente melhorias e novidades que são adicionadas à plataforma. Aqui no Brasil, casos como a SignaShop oferecem manutenção especializada e ainda apresentam benefícios que ajudam o empreendedor a reduzir custos de implementação de um projeto, seja para quem está criando uma nova loja virtual, ou para quem está no processo de melhoria, migrando de plataforma.

Recursos diferenciais em uma plataforma de e-commerce

Mas, além dessas características, há também uma lista de recursos que deve ser observada na hora de comparar com possíveis outras plataformas. Um exemplo disso é a possibilidade de customização. Não é difícil encontrar plataformas que não permitem uma melhoria a ser implementada diretamente no HTML ou CSS. No caso do Magento, e mais especificamente, do SignaShop, essas melhorias podem ser feitas através da própria plataforma.

Essa possibilidade faz toda a diferença, como em casos práticos, na otimização das páginas através das técnicas de SEO. Esse, aliás, é outro benefício do Magento, que permite a configuração das páginas seguindo as principais boas práticas de SEO que devem ser implementadas.

Ainda no caso do SignaShop, a plataforma possui uma grande compatibilidade com inúmeros serviços existentes no mercado, e que são essenciais para o pleno funcionamento de uma loja virtual. É o caso de sistemas antifraude, simplicidade nas compras com checkout mais fácil, sistema de cálculo de diferentes fretes, entre outras vantagens. E todos esses recursos contam com o suporte especializado da empresa, permitindo resolução de problemas, questionamentos e também uma prática seção de FAQ e tutoriais.

 

Venha para o Signashop e tenha uma loja virtual de qualidade, com um investimento justo.

CRIE UMA LOJA E TESTE GRÁTIS POR 14 DIAS

Leave a Reply

Your email address will not be published.