O que todo dono de loja virtual precisa saber de SEO?

O que todo dono de loja virtual precisa saber de SEO?

Gerenciar uma loja virtual é uma tarefa que envolve conhecimentos diversos nas áreas relacionadas. Mesmo para quem não deseja ser um especialista, entender o funcionamento de algumas técnicas pode garantir um melhor investimento e também resultados mais realistas sobre o que é investido.

Essa descrição acima se encaixa perfeitamente no caso do SEO. Todo site precisa ter, o investimento é “baixo” e o retorno pode ser muito alto. Até aí, a “definição” é tentadora, porém, quando se pensa em termos práticos, o SEO em uma loja virtual precisa ser esclarecido.

Sabendo o básico de SEO

seo

Para começar, é importante relembrar que a definição de SEO, Search Engine Optimization, pode ser traduzida como uma “Otimização de sites para mecanismos de busca”. Isso significa que o seu site deve estar melhor preparado para que os sites buscadores, como Google e Bing, encontrem seu site mais facilmente. A partir disso, entender onde se ganha com o SEO é razoavelmente fácil: as pessoas procuram nos buscadores e a grande maioria confere as informações logo nos primeiros resultados das primeiras páginas. Ou seja, se sua loja estiver nessas posições de resultado, suas chances de receber mais tráfego são realmente grandes.

Para saber exatamente o que se deve fazer para alcançar tais posições, os buscadores (Google e Bing) declaram abertamente o que e como devem ser aplicadas as melhorias em um site, para que os próprios buscadores encontrem sua loja virtual e assim possam torná-la encontrável através de sua ferramenta.

Antes de começar o SEO na sua loja virtual

Sabendo disso, os donos de lojas virtuais correm para otimizar suas páginas, ou para contratar um serviço ou profissional que o faça. Esse também é um caminho comum, porém, é onde a empresa também pode começar a errar. Vejamos o porquê.

SEO é um conjunto de técnicas com base nas diretrizes dos próprios buscadores. Este conhecimento pode ser facilmente encontrado nas ferramentas do próprio Google, mas, além de ser preciso lê-las e interpretá-las, há detalhes que precisam estar claros para o administrador de uma loja virtual antes de começar a fazer o SEO, e isso tem um nome que já é muito comum na vida dos empreendedores: planejamento.

Exatamente: planejamento. As técnicas de SEO são diretrizes ricas de como tornar seu site encontrável, entretanto, não se pode medir sucessos e fracassos se uma loja virtual não sabe onde ela quer chegar. Como se mede um trabalho bem-sucedido de SEO? Você tem uma loja virtual e quer estar nas primeiras páginas do Google, mas, para quais termos buscados? Quem são os seus concorrentes e como eles estão posicionados no Google? Quanto você fatura hoje através deste método e quanto pretende alcançar? Em quanto tempo?

Ou seja, percebe como SEO precisa ter uma série de perguntas respondidas antes de se começar a realizar o trabalho? Essas perguntas acima são apenas um breve exemplo de que é preciso saber onde a loja está atualmente, para depois projetar onde se quer chegar e só então começar a delimitar uma estratégia de SEO para alcançar tal resultado.

E, se isso será feito internamente ou através de uma prestadora de serviço, nenhum desses muda o fato de que o conhecimento sobre SEO, por parte do administrador da loja virtual, pode transformar o retorno do investimento.

SEO em lojas virtuais está além das técnicas

Isso, na verdade, traz à tona um fato importante que é um dos maiores diferenciais de sucesso para as técnicas de SEO: uma empresa deve ir além da técnica e, verdadeiramente, vivenciar o SEO.

Primeiro porque as técnicas de SEO estão em constante evolução, o que significa que as recorrentes atualizações do Google podem fazer com que sites, antes bem posicionados, passem a cair drasticamente na lista de resultados de buscas.

Segundo porque o SEO é uma constante melhoria para se manter no topo. Quando se alcança um bom posicionamento, é preciso continuar trabalhando para se manter lá – pois a concorrência também estará investindo para alcançar o topo.

Sendo assim, se o SEO for tratado apenas como uma solução, ele pode ser implementado e esquecido. Agora, quando a empresa “respira” SEO, todas as implementações e trabalhos realizados, passam a ser naturalmente focados no usuário final.

compraonline

A importância da plataforma certa para implementar o SEO na loja virtual

Sabendo o que deve ser feito e tendo os meios para aplicar as técnicas de SEO, o passo para implementação começa logo após o planejamento. Entretanto, é preciso se certificar que a sua plataforma de e-commerce seja compatível com as melhorias.

Muitas das técnicas de SEO são feitas diretamente no site, com mudanças de configurações e implementações no próprio código HTML da página. Se a sua plataforma virtual não permite este tipo de melhoria, o SEO não será uma opção. Isso retoma o assunto falado sobre a importância da escolha da plataforma de e-commerce para montar sua loja virtual.

A possibilidade de trabalhar SEO é um dos recursos que deve estar presente na plataforma da sua loja virtual. Neste contexto, o SignaShop é uma solução que oferece a possibilidade de o proprietário da loja implementar as melhorias de SEO em sua loja de modo fácil e, principalmente, com liberdade, já que um dos grandes benefícios do SignaShop é poder ser customizado por meio do Magento, a maior plataforma de e-commerce do mundo.

E o que eu preciso saber para implementar SEO na minha loja virtual?

É muito difícil que um administrador consiga implementar e manter sozinho a atualização constante da estratégia de SEO de uma loja virtual – difícil, mas não impossível. Entretanto, é necessário saber que algumas definições de SEO ajudam a compreender o trabalho técnico, seja qual for sua opção de executá-lo (contratando um profissional ou uma empresa especializada). A seguir, uma relação básica do que é preciso saber:

  • SEO é um conjunto de técnicas que visa posicionar o site da melhor maneira possível nos resultados dos buscadores como Google e Bing. Entretanto, o SEO, atualmente, é considerado uma parte do Marketing, já que é preciso construir/melhorar a visibilidade de uma empresa/marca no intuito de gerar mais visitas para um site.
  • Para ser implementado, o SEO tem basicamente duas frentes: o SEO on-page e o SEO off-page.
    • O SEO on-page indica que todas as melhorias de SEO serão aplicadas nas páginas do site. Isso implica melhorias técnicas, como implementação de códigos de HTML, hierarquização da informação, melhorias nos links, etc; e também significa a criação de conteúdo relevante: fazer com que as informações disponíveis na página atendam ao interesse do usuário que nela clicou.
    • Já o SEO off-page se difere pelas técnicas que são realizadas fora do site em questão. Melhorias neste quesito vão ser trabalhadas para se conseguir mais links que apontem para seu site (link building), engajamento em redes sociais, autoridade de domínio, entre outras.
  • Medição e análise sempre: toda visita que se dá para o seu site através de um link resultante do trabalho de SEO é chamado de visita orgânica. Isso significa que você não pagou (diretamente) para ter aquele link e ele foi clicado por espontaneidade do usuário. Saber se o trabalho de SEO está surtindo efeito é acompanhar toda a atividade orgânica em paralelo com suas ações de SEO. Para isso, claro, é preciso tempo de comparação e análise constante.
  • SEO leva tempo: há resultados imediatos, sim, porém, é preciso entender que a estratégia de SEO requer um período de curto até médio para que se comece a obter resultados (claro que isso depende da meta que foi traçada).
  • SEO e SEM. Junto ao SEO, há também o SEM, que significa Search Engine Marketing. Diferente do primeiro, o SEM envolve investimento para que um site apareça para o cliente em formato de propaganda, mesmo dentro das páginas de resultado do Google. Entretanto, o SEM também não se limita apenas às páginas de resultado, e contempla diferentes mídias onde sua loja poderá ser exposta. Para os grandes profissionais, SEO e SEM são duas técnicas distintas, mas que devem ser ambas bem trabalhadas para que um site tenha sucesso garantido
  • Palavras-chave (keywords): muita coisa em SEO está em torno disso. A palavra-chave é o termo que será buscado por um usuário no Google e, o resultado disso, é a lista de sites que ele visitará em busca da solução para sua questão. Uma palavra-chave não se limita a uma palavra apenas, mas pode ser uma frase ou até mesmo um texto. É de consenso que palavras-chaves únicas são mais abrangentes e acabam por ser mais difíceis para se conseguir angariar resultados.
    • Por exemplo: se a loja virtual vende bebidas, é difícil estar bem posicionado para tal palavra, já que um usuário pode digitar “refrigerante” apenas para saber sua composição química, sem a intenção de compra.
    • Ao mesmo tempo, com esta palavra-chave, sua loja virtual concorre não apenas com outras lojas, mas também com as muitas fabricantes da bebida.
    • Quando o usuário resolve definir um pouco mais sua pesquisa, a palavra-chave começa a se tornar específica, então, é possível notar muitas variações como: refrigerante, refrigerante + nome da marca, comprar refrigerante, refrigerante de 1 litro, promoção de refrigerantes e muitas outras opções. Um dos trabalhos de SEO é saber quais dessas palavras-chave possuem potencial de busca para serem trabalhadas na loja virtual.

Este é apenas um vislumbre do que está dentro do mundo de SEO, mas mostra o mínimo que o proprietário de uma loja virtual precisa compreender para entender e obter melhores resultados dos investimentos feitos em SEO. E você, o que achou? Comente abaixo suas dúvidas relacionadas a SEO que você gostaria de ter a resposta.

Venha para o Signashop e tenha uma loja virtual de qualidade, com um investimento justo.

CRIE UMA LOJA E TESTE GRÁTIS POR 14 DIAS

Leave a Reply

Your email address will not be published.